Livro questiona cessacionismo reformado

“Sobre a Cessação dos Charismata”, de Jon Ruthven, pretende demonstrar falhas filosóficas, hermenêuticas e exegéticas no sistema cessacionista


Livro questiona cessacionismo reformado

A editora Carisma vem trazendo para o Brasil uma série de livros sobre teologia pentecostal que pareciam não encontrar espaço nas grandes casas publicadoras do país.

Seu lançamento mais recente é “Sobre a Cessação dos Charismata”, de Jon Ruthven, professor emérito da Regent University, considerado um dos teólogos Pentecostais mais respeitados da atualidade.

A obra provocou nos EUA um intenso debate sobre a questão dos milagres e dons espirituais (charismata) na atualidade.

O teólogo pentecostal Larry Hurtado disse que o trabalho de Jon Ruthven é uma “análise bem informada e altamente convincente”.

O renomado teólogo anglicano inglês Alister McGrath chegou a dizer que o livro de Ruthven é o melhor estudo e refutação ao Cessacionismo Reformado de BB Warfield.

No Brasil, a maioria dos teólogos cessacionistas – que não creem na contemporaneidade dos dons, seguem a linha de Warfield.

A proposta de Jon Ruthve é demonstrar de maneira prática as falhas filosóficas, hermenêuticas e exegéticas do sistema que sustenta o cessacionismo reformado. Também procura demonstrar o que considera as fragilidades das teses de reformados carismáticos bastante conhecidos no Brasil, como Wayne Grudem e D.A Carson.

O ponto alto do livro é a análise histórica do cessacionismo, discorrendo, a partir da narrativa bíblica, passando pelo pensamento de diversos filósofos (Conyers Middleton e David Hume) e os Pais da Igreja (Agostinho, Crisóstomo, Ambrosiastro, Gregório o Grande).

O prefácio da edição brasileira é de Silas Daniel, teólogo das Assembleias de Deus no Brasil.

Maiores informações sobre a obra podem ser encontradas no site da editora.




Deixe seu comentário!