Biblioquímica: Livro aborda evidências das ciências biomédicas na Bíblia

Obra aborda semelhanças científicas com questões bíblicas


Livro aborda evidências das ciências biomédicas na Bíblia

Thiago de Melo Costa Pereira, professor universitário com doutorado, lançou o livro Biblioquímica – Evidências das ciências biomédicas na Bíblia pela editora A. D. Santos.

De acordo com informações divulgadas pela editora, a obra nasceu “de uma inquietação do autor, pesquisador e professor universitário cristão da área biomédica, ao perceber que muitos, inclusive cristãos, tem valorizado demais a ciência e a razão humana em busca de respostas, subestimando a própria palavra de Deus”.

Segundo esta visão, para pessoas não-religiosas, “é como se cometessem ‘suicídio intelectual’ na tentativa de compatibilizar a Bíblia com o que afirma a ciência”, completam.


  Programa que ensina a Bíblia vira febre na Internet


A formação de Thiago é interdisciplinar. É formado, desde 2002, em Farmácia pela Universidade Federal de Ouro Preto (Ufop), e fez seu mestrado e doutorado em Ciências Fisiológicas pela Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes).

Atualmente, Melo trabalha como professor-pesquisador em cursos de graduação e pós-graduação na Universidade Vila Velha e no Instituto Federal do Espírito Santo, além dos artigos que escreve para revistas científicas e de vários livros publicados.

O autor acredita, com base nos seus conhecimentos em áreas como Medicina, Farmácia e Bioquímica, que a Bíblia é uma espécie de complemento e não contradiz a ciência biomédica moderna.

“A humanidade precisa tanto da Bíblia como da ciência multiplicada para entender melhor tudo o que foi criado por Deus — fonte de toda ciência e saber. É preciso examinar as Escrituras”, finaliza Thiago de Melo.




Deixe seu comentário!